Guia do orador

As funções de intérprete de conferência limitam-se à interpretação das intervenções orais. O intérprete obriga-se a observar total e absoluto sigilo profissional e assume a responsabilidade moral pela seriedade do seu trabalho.

  • Por imperativos ligados à qualidade da interpretação, é importante que a velocidade e clareza do seu discurso tenham em conta o tratamento da informação que é realizado.A velocidade de leitura de um texto escrito não deve ultrapassar 3 minutos por página dactilografada a 2 espaços.
  • Quando pretender ler um texto, tenha o cuidado de enviar cópia aos organisadores tão cedo quanto possível, de preferência pelo menos 15 dias antes da conferência; no caso de não ser possível, envie um resumo daquilo que vai dizer: não se espera que seja traduzida oralmente uma intervenção lida cujo texto não tenha sido entregue.
  • Se não enviou o seu texto com antecedência, entregue-o aos intérpretes tão cedo quanto possível, de preferência em tantos exemplares quantas as cabinas/línguas de trabalho; se não pretende ler um texto, qualquer elemento escrito é preferível ao desconhecimento total: cópias de diapositivos, transparências, curtos textos de referência, listas de palavras-chave, etc...
  • Se nada houver, dê essa informação, o que evitará que o secretariado o "persiga" pedindolhe os textos, e dará aos intérpretes oportunidade de esclarecerem qualquer dúvida; tudo aquilo que for passível de incorrecta compreensão (alusões obscuras, referências herméticas, textos manuscritos, etc...) deverá ser-lhes explicitado.
  • Se pretender projectar um filme ou vídeo durante a reunião, este só poderá ser interpretado se o guião tiver sido entregue ou houver sido feito visionamento prévio, o som for transmitido directamente aos auscultadores dos intérpretes, a velocidade da locução for normal e a qualidade sonora permitir a interpretação.

Pequenos pormenores podem comprometer a eficácia da interpretação simultânea:

  • Use sempre um microfone, pois embora os seus vizinhos ou mesmo todos os presentes o possam ouvir, os intérpretes (até porque estão dentro das cabinas e com auscultadores na cabeça) não o ouvem com certeza, com qualidade suficiente.
  • Lembre-se de ligar o seu microfone ou pedir via ao técnico, antes de começar a falar: não arranhe/bata/sopre no microfone para determinar se ele está ligado, basta falar... lembre-se que os intérpretes têm sempre os auscultadores nos ouvidos! Não se esqueça de falar para dentro (e não para o lado) do seu microfone e à distância de 1-2 palmos do mesmo: mais, não se ouviria e menos, faria distorção.
  • Não deixe/pouse os seus auscultadores (ligados) perto do seu microfone (também ligado) pois o som daqueles entraria neste, perturbando os intérpretes e demais auditores; se for tentado a ir apontar algo no quadro/écran: use um ponteiro e continue a dirigir-se para o microfone, ou use um microfone de peito/lapela que o acompanhe na sua deslocação...ou fale só enquanto estiver no púlpito!
  • Lembre-se de desligar ou fazer com que desliguem o(s) microfone(s), mesmo quando pretender voltar a intervir: se ficarem vários ligados haverá fenómenos de feedback e ressonância que prejudicarão a inteligibilidade do discurso.
  • Durante o debate, é preferível falar sempre a mesma língua (de preferência a sua língua materna)...certifique-se também que aqueles que interpela estão a utilizar os receptores que lhes permitirão compreendê-lo, ouvindo a interpretação.

Os intérpretes agradecem a sua colaboração...ajude-nos a ajudá-lo!!

Copyright AIIC Portugal - 1992


Recommended citation format:
AIIC. "Guia do orador". aiic.net December 1, 1999. Accessed October 21, 2018. <http://aiic.net/p/3230>.


Message board

Comments 4

The most recent comments are on top

Michael H. Ballard Resiliency for Life

   

Has this article been updated?

Total likes: 0 0 | 0

Michael H. Ballard Mrkt. Dplm.

   

I would like permission to share this article with meeting planners I work with. Also to link to your site from my meeting planners information page (when my web site is launched later this year). Also could I offer this article as a download to meeting planner on my site?

Tahnk you for your response.

regards,

Michael Ballard

Toronto Canada

Total likes: 0 0 | 0

Hans Kronheim

   

Hi, I work for a S.I. company out of D.C., and would like to have permission to print this, and be able to send it to clients/and-or link to this page, before meetings take place. Thanks!

Total likes: 0 0 | 0

Idette

   

Viewed by a group of interested interpreters in DC, May 12, 2001

Total likes: 0 0 | 0